Batalha de Lepanto: milagre de Nossa Senhora do Rosário

7 outubro, 2020

“O Rosário é a mais bela e a mais preciosa de todas as orações à Medianeira de todas as graças: é a prece que mais toca o coração da Mãe de Deus. Rezai-o todos os dias.” (São Pio X)

No início do século XIV, os otomanos (Império Turco) vinham invadindo as áreas europeias com o objetivo de expansão, do império. Devido as invasões, em 1571, aconteceu a Batalha de Lepanto que teve um grande impacto espiritual para os católicos. O Papa São Pio V, recebeu de Nossa Senhora a revelação de que os católicos venceriam a batalha contra os muçulmanos por meio da oração do Santo Rosário. Cheio de confiança nessa promessa, o Sumo Pontífice pediu, então, que toda a Igreja Católica, inclusive aqueles que participariam das batalhas, rezassem, com fé e devoção, o Rosário. O Papa fez questão que todos os soldados fizessem jejum e oração, além de que se confessassem e comungassem o corpo de Cristo antes da batalha, por isso em cada navio estava presente um padre. Os católicos venceram a difícil batalha contra os turcos muçulmanos, que ameaçavam invadir a Europa. Ao final da batalha, o papa Pio V se levantou e disse que deveriam dar graças a Deus, por que a batalha havia sido vencida pelos cristãos. Em honra pela vitória milagrosa, pois o número de muçulmanos era muito maior que o de católicos, o Santo Padre instituiu, o dia 7 de outubro, como a festa de Nossa Senhora do Rosário, em comemoração à vitória da Batalha de Lepanto.

 

A devoção

A devoção à Virgem Maria sempre foi propagada na história da Igreja Católica. Em suas aparições, Nossa Senhora sempre convida à prática fiel da oração. A oração do Rosário é uma devoção milenar. Desde os primeiros séculos, Nossa Senhora é honrada através dessa oração. A origem do Rosário é muito antiga, não tem uma exatidão de data. Conta a história que os monges anacoretas usavam pedrinhas para contar o número de orações vocais realizadas no decorrer do dia.

Nos conventos medievais, os irmãos em formação utilizavam das práticas de devoção e piedade com a declamação de alguns Pai-Nossos e, para auxiliar na contagem, São Beda (séc. VII-VIII), grande Doutor da Igreja, sugeriu o uso de vários grãos de sementes enfiados em um cordão.

A devoção ganhou forças quando Nossa Senhora apareceu ao fundador da Ordem Dominicana, São Domingos de Gusmão. Devido as guerras a devoção chegou a esfriar. Milagrosamente a Virgem Maria apareceu ao beato Alano Rupe (1428 – 1475), pedindo-lhe para ressuscitar a devoção. Assim, foi agrupado as ave-marias e criou-se os mistérios: Gozosos, Dolorosos e Gloriosos. Surgindo o santo Rosário. Em 2002, São João Paulo II, em sua Carta Apostólica “Rosarium Virginis Mariae”, acrescentou os mistérios Luminosos.

 

 

Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Vila Velha – ES

 

Nossa Senhora do Rosário foi o nome dado a Igreja da Prainha de Vila Velha, a mais antiga em funcionamento no Brasil. Em 2015, Nossa Senhora do Rosário também foi declarada como padroeira do município de Vila Velha.

 

Todos os anos no dia 07 de outubro acontece a tradicional festa com barracas na Prainha de Vila Velha. Neste ano, devido a pandemia da Covid-19, os festejos foram adaptados. A festa acontecerá no Santuário, por ser um espaço amplo, tendo início hoje (07) com a missa de abertura.

 

Segundo o pároco Frei Djalmo Fuck, “o tema escolhido para a festa de 2020, tem como inspiração o Papa João Paulo II que diz ‘Contemplar com Maria o rosto de Cristo’ e também a passagem bíblica de Lucas 11,28 – ‘Feliz quem ouve a Palavra e a pratica’. Para cada um dos dias, um grupo de comunidades foi escolhido para a preparação espiritual da celebração”. Para a participação das missas e dos momentos de oração é obrigatório o uso da máscara e do álcool em gel, além de ser importante respeitar o distanciamento social.

Confira a programação:

7/10 (quarta-feira) – Missa de abertura dos festejos da padroeira

Local: Santuário

19h – Missa de Abertura da Festa de Nossa Senhora do Rosário

Celebrante: Frei Adriano Dias do Nascimento

 

TRÍDUO

8/10 (quinta-feira) – A fé é partilha!

Local: Santuário

16h – Oração do Santo Rosário

19h – Missa – Celebrante: Frei Clarêncio Neotti

 

9/10 (sexta-feira) – A fé é unidade!

Local: Santuário

16h – Oração do Santo Rosário

19h – Missa – Celebrante: Frei Claudius Guski

 

10/10 (sábado) – A fé é prática!

Local: Santuário

16h – Oração do Santo Rosário

19h – Missa – Celebrante: Frei Alessandro Dias do Nascimento

 

11/10 (domingo) – Nossa Senhora do Rosário, rogai por nós!

Pela manhã: Solenidade de Nossa Senhora do Rosário nas Comunidades

18h – Ofício de Nossa Senhora

19h – Missa Solene da Padroeira – Celebrante: Frei Djalmo Fuck

 

Compartilhe:
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

VÍDEOS

sábado 25 setembro
domingo 26 setembro
sexta-feira 1 outubro
Nenhum evento encontrado!

Facebook

endereço

R. Soldado Abílio Santos, 47
Centro, Vitória – ES, 29015-620

assine nossa newsletter

Seja o primeiro a receber nossas novidades!

© Copyright Arquidiocese de Vitória. Feito com por