Evangelho com as Crianças entre os finalistas do Prêmio da CNBB

25 julho, 2022

Aconteceu neste final de semana, em Itaici – SP, o 7º Encontro Nacional da Pastoral da Comunicação, PASCOM. Ao final do encontro, a Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da CNBB, divulgou a lista dos finalistas das sete categorias da 54ª Edição dos Prêmios de Comunicação CNBB.

A categoria “Dom Luciano Mendes de Almeida”, lançado na celebração de 50 anos dos Prêmios de Comunicação, que tem como objetivo o reconhecimento dos trabalhos de convergência midiática realizados no ambiente virtual da internet, está dividido em modalidades: aplicativos, iniciativas com redes sociais e Sites / blogs / portais. Os trabalhos concorrentes nessa categoria deveriam colocar em evidência valores humanos e cristãos, com conteúdo no formato digital.

Pe. Osmar de Oliveira Braido e o Chicão – Foto do Programa Evangelho com as Crianças

Dentre os finalistas na categoria “Dom Luciano Mendes de Almeida” está o Evangelho com as Crianças, trabalho realizado pelo Pe. Osmar de Oliveira Braido, coordenador da Área Pastoral de Vitória e vigário da paróquia São Francisco de Assis, em Jardim da Penha.

O Evangelho com as Crianças surgiu durante a pandemia da Covid-19 de uma forma simples com o objetivo de levar ao coração das crianças a esperança através do lúdico e da palavra de Deus.

Para o Pe. Osmar, estar entre os finalistas do 54ª Edição dos Prêmios de Comunicação CNBB foi surpreendente.

“Fiquei surpreso ao ver o nome do Evangelho com as Crianças, nas redes sociais da CNBB como finalista do Prêmio Dom Luciano Mendes de Almeida. Quando me inscrevi não pensava que chegaria tão longe, somente queria apresentar o conteúdo feito com muita simplicidade para as crianças. Percebo que é através da simplicidade que Deus age, pois o simples é o perfeito que Deus quer”, comenta Pe. Osmar Braido.

A cerimônia de entrega dos Prêmios de Comunicação da CNBB, em sua 54ª edição, está marcada para o dia 18 de outubro e será transmitida pelas emissoras de TV de inspiração católica. Este ano, os finalistas irão participar da cerimônia diretamente dos estúdios da TV Evangelizar, em Curitiba (PR), que contará ainda com show da cantora Adriana Arydes.

Histórico do Prêmio

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB, durante os anos de censura promulgada pelo Regime Militar no Brasil, instituía em 1967, o primeiro Prêmio de Comunicação, Margarida de Prata para o Cinema, que representou um importante apoio à produção cultural livre. Este foi o olhar de esperança da Igreja do Brasil, para com os produtores e profissionais da comunicação, durante a longa jornada de repressão Militar.

A CNBB prosseguiu à criação da concessão de prêmios àqueles que se preocupavam e se preocupam com a comunicação voltada para a justiça social e a promoção humana.

Em 1980 apoiava a criação do Prêmio Microfone de Prata de Rádio, promovido pela UNDA-Brasil – União de Rádio Difusão Católica, que incentiva a produção de programas radiofônicos voltados à criatividade e à evangelização.

Em comemoração aos 50 anos de fundação da CNBB, em 2002, a Assessoria de Imprensa da CNBB instituía o Prêmio Dom Helder Câmara de Imprensa, com o objetivo de premiar reportagens e trabalhos jornalísticos voltados à promoção humana e social.

Chegou a vez de premiar as produções televisivas através do Setor de Comunicação Social da CNBB. Em 2005 foi instituído o Prêmio Clara de Assis para a Televisão, concedendo o prêmio aos produtores que resgatam os valores humanos éticos e cristãos.

Estes prêmios constituídos e apoiados pela CNBB, são reconhecidos e consagrados pela sociedade brasileira como “Prêmios de Comunicação da CNBB”.

Os prêmios têm por objetivo reconhecer a arte e o mérito dos profissionais dos meios de comunicação social: imprensa, cinema, rádio e televisão que contemplam em suas produções os valores humanos, cristãos, sociais e políticos, bem como, a qualidade artística, a linguagem e a técnica.

Mediante a premiação, a CNBB quer proporcionar um espaço de diálogo com a sociedade e com os profissionais da comunicação, além de promover a Educação para a Comunicação, em relação à produção cultural gerada pelas novas tecnologias.

A seriedade e a credibilidade que caracterizam as premiações atraíram inscrições renomadas de diretores e produtores da arte de fazer comunicação.

Com isso os prêmios passaram a significar uma consagração aos agraciados, conferindo credibilidade profissional e social.

Compartilhe:
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

VÍDEOS

quinta-feira 11 agosto
sexta-feira 12 agosto
domingo 14 agosto
segunda-feira 15 agosto
Nenhum evento encontrado!

Facebook

endereço

R. Soldado Abílio Santos, 47
Centro, Vitória – ES, 29015-620

assine nossa newsletter

Seja o primeiro a receber nossas novidades!

© Copyright Arquidiocese de Vitória. Feito com por