Por que o caixão aberto?

22 junho, 2021

Os protocolos para velório e enterro de pessoas que morreram vítimas da Covid-19 têm sido modificados em algumas regiões do Brasil, inclusive com decretos específicos de governos locais, como Divinópolis e Caputira em MG, conforme pesquisa rápida na internet.

No Espírito Santo não existe decreto da Secretaria da Saúde, mas os médicos que acompanham a evolução da doença, e confirmado que após 20 dias não existe mais perigo de contágio, podem emitir uma autorização para que o velório seja feito com caixão aberto.

As recomendações são de que se evite aglomeração para evitar que o vírus seja transmitido pelas pessoas que acompanham o velório e que o tempo não seja estendido.

O sofrimento de tantos que perderam seus familiares aumentou com a impossibilidade de um momento para velar seus entes, situação que nós vivenciamos com a morte de pe. Kleber dos Santos Junior em fevereiro. Naquela ocasião não foi permitido abrir o caixão e nem fazer velório. A decisão, quando as circunstâncias permitem, ameniza a dor.

No caso de pe. Fernando Antônio Silva de Souza, enterrado hoje, o Hospital emitiu o documento para que o velório pudesse ser feito com caixão aberto com os seguintes argumentos:

  1. O início dos sintomas já tinha mais de 20 dias. Os sintomas de pe. Fernando começaram em 31 de maio.
  2. Sempre que o paciente morre após 20 dias de sintomas, o laudo é emitido.
  3. A decisão de emitir o documento é tomada pela equipe de médicos que acompanha o caso.

As informações sobre o laudo de pe. Fernando são da dra. Juliana Cosme, médica plantonista da UTI do Hospital Sta. Rita, que acrescentou sobre a necessidade surgida para emissão do documento: “A DO, Declaração de Óbito, é emitida como causa de morte a Covid-19, por isso há necessidade do laudo confirmando que o paciente já estava fora do isolamento por ocasião da morte”.

Compartilhe:
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

VÍDEOS

quinta-feira 29 julho
sábado 31 julho
domingo 1 agosto
Nenhum evento encontrado!

Facebook

endereço

R. Soldado Abílio Santos, 47
Centro, Vitória – ES, 29015-620

assine nossa newsletter

Seja o primeiro a receber nossas novidades!

© Copyright Arquidiocese de Vitória. Feito com por