Dia dos Namorados: um convite para a reflexão

12 junho, 2020

Hoje é dia 12 de junho, data conhecida pelo Dia dos Namorados no Brasil. Esse tempo de pandemia e de isolamento social pode ser muito útil para que os apaixonados avaliem seus comportamentos e o seu relacionamento com o outro. 

Segundo a psicóloga Suy Bortolon, o tempo do namoro é fundamental para estabelecer a base de um relacionamento. É um momento de grande aprendizado, pois neste período o casal aprende a dialogar, a expressar os seus sentimentos, a acolher o outro e trocar projetos e planos:

“No namoro se exercita a segurança do amor um do outro. É onde você aprende a conviver também com as diferenças, ou seja, o namoro é uma grande oportunidade de aprendizado, de amadurecimento. É uma grande oportunidade de elevar esse relacionamento a um plano um pouco mais profundo. Amadurecer o amor e amadurecer como pessoa”, detalha.

A especialista também explica que quando o namoro é conduzido dessa forma e o casal estabelece o respeito e a confiança mútua, chega o momento de evoluir para outras etapas do relacionamento: o noivado e até mesmo o matrimônio. 

Durante o namoro o casal se conhece em sua história, sua vida profissional e familiar. A psicóloga também enfatiza que se não acontece essa espera e amadurecimento muitas uniões conjugais não conseguem se manter estáveis. 

Outro ponto que deve ser levado em conta em um relacionamento é a intimidade com Deus. A presença da pessoa amada deve vivificar e enobrecer uma relação antes do casal sacramentar sua união no casamento o qual deve ter como base a rocha do amor verdadeiro de Deus na vida dos cônjuges. Na presença serena do Senhor, o amor que funda uma família será estável para sempre. 

Padre Renato Criste é especialista em matrimônio e família. Ele enfatiza que o namoro é o momento de construção do casal que gera a esperança no futuro. Esse período também precisa ser fundamentado na Fé.

“Para que o casal possa desenvolver bem esse processo é necessária a aquisição de uma habilidade, uma arte, capacidade pessoal, que vai levá-los a se reconhecerem, se aceitarem, a saberem se tratar, se acolher, se ajudar mutuamente. E abre-se assim a tarefa principal da preparação imediata para o Matrimônio que é ajudar os dois a construírem essa comunhão prometida e assim verificar o seu amor, sempre a luz da fé e da revelação cristã”, enfatiza. 

Um dos grandes projetos de Deus para a humanidade é a família. O casal que tem a vocação ao matrimônio deve experimentar o verdadeiro amor, a felicidade, o respeito e a fé. Aproveite este Dia dos Namorados e avalie se o relacionamento que você vive ou gostaria de viver está alinhado ao plano de Deus, na vivência cristã e na oração. 

Compartilhe:
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

VÍDEOS

quinta-feira 29 julho
sábado 31 julho
domingo 1 agosto
Nenhum evento encontrado!

Facebook

endereço

R. Soldado Abílio Santos, 47
Centro, Vitória – ES, 29015-620

assine nossa newsletter

Seja o primeiro a receber nossas novidades!

© Copyright Arquidiocese de Vitória. Feito com por