“Eu sou o Pão que desceu do céu”

8 agosto, 2021

Paulo Innocente I “Eu sou o pão que desceu do céu” (Jo 6, 41).

A Liturgia da Palavra deste XIX Domingo do Tempo Comum ainda está ligada ao Evangelho da multiplicação dos pães. Jesus chama a atenção dos Judeus porque os seus corações ainda estavam fechados aos ensinamentos do Mestre e não queriam compreender o sinal da multiplicação (cf. Jo 6, 41-51).

Os Judeus compreendem apenas que Jesus é o filho de José, o Carpinteiro, e nada mais. Estavam presos às suas certezas, que por sua vez eram vazias e sem vida, fazendo com que permanecessem acomodados. Não compreendem que Jesus é o pão descido do céu para dar vida ao mundo inteiro. A visão que os Judeus têm sobre Jesus é superficial. Mas Jesus continua a ensiná-los, e declara: “Eu sou o pão da vida” (Jo 4, 48). Jesus afirma que é ele o Pão da vida, que veio do Pai como alimento que dá a vida a todo aquele que dele comer.

Jesus é o Pão da vida: é Ele o nosso sustento, a nossa força e coragem para seguirmos caminhando, principalmente nos momentos mais difíceis da vida, quando nos deparamos com situações que nos causam medo. O medo nos paralisa, não nos permite seguir em frente e faz com que busquemos uma posição segura e confortável.

A história de Elias na Primeira Leitura (1 Rs 19, 4-8) nos mostra exatamente tal situação de medo. Ele estava fugindo porque havia matado os profetas de Baal no Monte Carmelo e por conseqüência disso a rainha Jezabel o jurou de morte. Elias estava com medo, assustado, e resolve fugir para o deserto. E lá, ele enfrenta, além do medo, a solidão e o desânimo. Elias já não encontra sentido em sua vida, tudo parece tão amargo e sem ânimo, e então ele desiste de caminhar e resolve deitar-se debaixo de um junípero, desejar a morte e esperar que ela venha. O profeta se acomoda: não consegue vencer o seu medo e a frustração que sente naquele momento. Mas o Anjo do Senhor lhe trouxe pão e água e pediu a Elias que se alimentasse para ter forças, a fim de continuar a caminhada, pois o caminho é longo. Elias come e bebe, e fortalecido, põe-se outra vez a caminhar.

Assim como Elias, nós também estamos caminhando, e também precisamos de pão para termos sempre força e coragem neste nosso caminhar. Esse pão é o Senhor que nos dá, é o próprio Cristo o pão da vida, o nosso sustento. Encontramos n’Ele a força para encarar e vencer os nossos medos, romper com as zonas de conforto na quais nos colocamos. É em Cristo, o Pão da vida, que encontramos força para seguirmos em frente e vida plena e abundante.  

Paulo Henrique Innocente da Silva

Seminarista do 1º ano de Filosofia.

Paróquia de origem: Bom Jesus – Novo Horizonte – Cariacica.

Paróquia de Estágio Pastoral: São Francisco de Assis – bairro São Francisco – Cariacica.

Compartilhe:
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

VÍDEOS

quinta-feira 7 julho
sexta-feira 8 julho
domingo 10 julho
terça-feira 12 julho
Nenhum evento encontrado!

Facebook

endereço

R. Soldado Abílio Santos, 47
Centro, Vitória – ES, 29015-620

assine nossa newsletter

Seja o primeiro a receber nossas novidades!

© Copyright Arquidiocese de Vitória. Feito com por