Futuros diáconos transitórios vão para missão no Pará

Os seminaristas Alessandro Rebonato, Daniel Calil, Ruan Coutinho e Vitor Noronha serão ordenados diáconos transitórios da Arquidiocese de Vitória no próximo sábado (12), na Catedral Metropolitana de Vitória, às 9h. E já no próximo mês, no dia 25 de janeiro, eles embarcam para a missão na Diocese da Santíssima Conceição do Araguaia, no Estado do Pará.  A expectativa é que eles fiquem por lá em período que pode variar entre 4 e 6 meses.

De acordo com o Vigário Geral da Arquidiocese, padre Jorge Campos, os quatro futuros diáconos farão um estágio pastoral, em uma diocese onde existe uma grande necessidade de missionários e o Arcebispo Metropolitano de Vitória, Dom Dario Campos em comunhão com Dom Dominique Marie Jean Denis You, Bispo Diocesano de Conceição do Araguaia, fizeram essa parceria que começou no ano passado.  

Padre Jorge explica que este é um gesto importante, pois a Igreja nasceu com a ordem de Jesus de ‘Ide por todo mundo e pregai o evangelho’: “É necessário que os nossos seminaristas – após passarem por um período de formação no Seminário e exercerem um estágio pastoral em paróquias da nossa Arquidiocese – tenham uma visão mais ampla da Igreja, conhecendo a realidade de outras regiões.  

A Diocese de Conceição do Araguaia, está localizada no Sul do estado do Pará e tem atualmente dez paróquias. No ano de 1911 – período da borracha, dos garimpos e das madeireiras no Brasil – foi criada como prelazia de Conceição, se tornando uma Diocese em 1979, pelo então Papa João Paulo II. Segundo dados do Censo de 2010 do IBGE a região é extensa territorialmente com cerca de 52.465 KM e 333.760 habitantes. Essa distância inclusive é um dos desafios vividos pelos religiosos e missionários que atuam na região, conforme disse em entrevista Alessandro Chagas, que é padre da Arquidiocese de Vitória e está em missão nesta Diocese.

Expectativa

Ruan Coutinho

“Eu recebo com profunda alegria essa missão que a Igreja está no confiando de ir até a Igreja do Pará e como uma oportunidade única de viver uma outra experiência eclesial, de conhecer uma nova cultura e também de levar aquilo que nós temos, a boa nova de Jesus e receber também o testemunho daquele povo que também vive a sua Fé. Então eu vou com muita alegria para essa missão e com o coração cheio de disponibilidade para viver esse tempo precioso e muito especial que Deus preparou para nós. Encerrei ontem meu trabalho como Seminarista na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Praia da Costa, mas vou continuar como diácono antes de viajar para o Pará.”

Alessandro Rebonato

“Minha expectativa é de aprender um novo jeito de ser Igreja, porque vamos conhecer uma outra realidade. Quero ajudar naquilo que aprendi nesse tempo de 8 anos de formação no seminário e chegando lá absorver o que tem de positivo para levar para minha vida como presbítero: um novo rosto de Igreja e uma nova forma de comunidade e de cultura. Minha despedida da paróquia Bom Pastor, Praia da Costa, onde fiz o estágio pastoral, aconteceu neste final de semana. Foi uma última missa com o foco no envio para a missão. O povo está sendo muito acolhedor, apoiando essa oportunidade de conhecer uma nova realidade, pois eles sabem que estou indo para a missão, mas ao mesmo tempo sou da Arquidiocese. Vou para a missão, mas vou voltar para cá com mais experiência.”

Vitor Noronha

Estou muito alegre e com uma minha expectativa é excelente. Eu acho que essa oportunidade de já no diaconato a gente sair em missão, nos ajuda a viver melhor o ministério. Se a gente entende que o diaconato é a compreensão de Jesus Servo e você é servo da palavra e da caridade, sair em missão é a oportunidade de enviar a palavra e como servo da palavra ir de encontro com uma nova realidade no Estado do Pará. Ontem foi minha despedida na Paróquia Bom Pastor de Campo Grande, onde fiz o estágio como seminarista por 2 anos e foi muito emocionante. O povo está triste pois nem todos poderão estar presentes na ordenação diaconal no sábado e muitos vão assistir pelas redes sociais. Mas já partilhei com eles sobre essa missão que vamos em janeiro e eles ficaram felizes com a notícia, se comprometendo a estarem juntos em oração. Com certeza essa oração das pessoas nos alimenta no serviço.”     

Daniel Calil

“Para nós é uma experiência nova, inusitada, mas de grande esperança porque é um povo que precisa muito do ministério ordenado. Pelo que eu sei não há padres suficientes para o tamanho territorial e será uma experiência de verdadeiro diaconato pois estaremos à serviço de uma Igreja irmã tão necessitada como Vitória. Vamos aprender a cultura de lá e se encarnar na realidade deles. Será uma experiência boa no sentido de ajudar a consolidar em nós o ministério diaconal. A experiência missionários vai nos possibilitar uma grande experiência para a atuação em favor do Reino de Deus. Encerrei ontem meu trabalho pastoral como seminarista na Paróquia Nossa Senhora das Graças, em Jucutuquara, Vitória.” 

Compartilhe:
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email
segunda-feira 5 abril
4:00 pm - 6:00 pm Missa Segundo Dia Oitavário
terça-feira 6 abril
4:00 pm - 6:00 pm Missa Terceiro Dia Oitavário
quarta-feira 7 abril
4:00 pm - 6:00 pm Missa Quarto Dia Oitavário
quinta-feira 8 abril
4:00 pm - 6:00 pm Missa Quinto Dia Oitavário
sexta-feira 9 abril
4:00 pm - 6:00 pm Missa Sexto Dia Oitavário
sábado 10 abril
4:00 pm - 6:00 pm Missa Sétimo Dia Oitavário
domingo 11 abril
4:00 pm - 6:00 pm Missa Oitavo Dia Oitavário
Nenhum evento encontrado!