Retomada de missas com presença dos fiéis

17 agosto, 2020

Quase todas as paróquias retomaram as missas presenciais, seguindo os protocolos das Secretarias de Saúde e as recomendações do Arcebispo de Vitória, dom Dario Campos. Porém, as celebrações nas matrizes continuam sendo transmitidas pelas redes sociais, atitude que promete ser mantida mesmo no pós-pandemia.

Cada realidade exige um comportamento diferente e às vezes até mesmo dentro da mesma área pastoral. Como exemplo podemos citar a área pastoral Benevente que abrange os municípios de Guarapari, Anchieta e Alfredo Chaves, cada um com as determinações municipais específicas que as paróquias precisam seguir. Por isso, algumas exceções acontecem, conforme disse pe. Robson Melo, pároco em Nossa Senhora de Lourdes e coordenador da Área Pastoral. Contudo os procedimentos e cuidados se repetem sempre com a preocupação de proteger as pessoas e preservar a vida. Por isso, em todas as paróquias que voltaram com missas presenciais, os cuidados são com a limpeza, distanciamento, número restrito de pessoas conforme o tamanho da igreja, uso obrigatório de máscaras, disponibilidade de álcool em gel na entrada, aferição de temperatura e obrigatoriedade do uso de máscaras. Em algumas como São Pedro na Praia do Suá a igreja colocou tapete para descontaminar o calçado antes das missas. A forma para poder participar da missa está acontecendo em dois formatos: inscrições na secretaria da paróquia ou pela ordem de chegada até ao limite que cada igreja comporta mantidas as distâncias.

A retomada tem sido pensada e preparada, em conjunto, pelos padres das áreas pastorais, com exceção da Área de Vitória, pois estava sem coordenador que foi eleito no dia 14 de agosto.

A paróquia São Pedro, Vila Rubim em Vitória e São José em Maruípe decidiram por manter por mais um tempo as missas não presenciais com transmissão pelas redes sociais e se preparam para uma possível retomada em setembro.

Em Santo Antônio apenas o Santuário-Basílica retomou as celebrações presenciais. Santa Luzia celebra missas nas duas comunidades (matriz e andorinhas). Santa Tereza de Calcutá retomou em agosto, apenas na matriz. São Pedro na Praia do Suá, retomou as missas apenas na matriz, com inscrições que devem ser feitas na Secretaria (pode ser por telefone) e, no máximo com 25 pessoas. A experiência deste final de semana mostrou que as pessoas que procuraram se inscrever estavam entre os grupos de risco e por isso nenhuma das duas Celebrações atingiu a presença de 25 pessoas. São Camilo retomou no Dia dos Pais, experiência apenas com homens que servem na paróquia. Avaliaram que foi positivo e os cuidados das equipes foram bem feitos. Por isso, abriram para missas presenciais com 100 pessoas nos finais de semana com inscrição prévia na secretaria paroquial. Esta semana abrirá também para missa durante a semana para as primeiras 50 pessoas que chegarem.  Sagrada Família em Jr. Camburi já celebra missas presenciais em todas as comunidades em rodízio. Na paróquia Sta. Rita, Praia do Canto, missas presenciais apenas na matriz. Na São Francisco em Jr. da Penha voltam as missas presenciais na matriz no próximo final, e, durante a semana com transmissão pelas redes sociais.

Os padres da área pastoral Serrana, avaliaram a situação e optaram por manter as celebrações de missas nas matrizes e comunidades em forma de rodízio e já retomaram no início do mês de agosto, confirme informações de pe. Carlos Barbosa, pároco na paróquia São Sebastião e coordenador da Área Pastoral.

 

Na área pastoral de Serra/Fundão, a decisão também foi tomada em conjunto pelos padres que retomaram as missas, e cada paróquia ficou de avaliar com seus conselhos quais comunidades poderiam também retornar a partir deste mês de agosto.  

Segundo pe. Jones as pessoas estão conscientes e educadas, pois já assimilaram que a situação exige cuidados. Então as missas já estão acontecendo de forma presencial em todas as paróquias. Padre Jones acrescentou que estão avaliando também quais atividades podem voltar, mesmo que o calendário tenha sido cancelado.

Na Área Benevente os padres aumentaram o número de missas e celebram também nas comunidades em forma de rodízio, principalmente naquelas em que os padres não estão no grupo de risco. O padre Ermindo escolheu celebrar nas comunidades nas datas dos padroeiros. Os padres Robson Melo e Diego Carvalho também se revezam para assistir a paróquia Sagrada Família na Praia do Morro.

A Área Benevente comprou aferidor de pressão e disponibilizou para todas as paróquias.

A Área Pastoral Cariacica/Viana retomou de forma gradativa no final de julho e com 30% da capacidade das igrejas. Especificamente a paróquia Bom Jesus retomou neste final de semana e está também gradativamente retomando ministrar os sacramentos.

A Área Pastoral Vila Velha, as missas foram retomadas nas matrizes em algumas paróquias, Perpetuo Socorro, Gloria, Santa Cruz, Santa Mãe de Deus, São Lucas e Nossa Senhora Aparecida. Já nas paróquias Santa Rita e Santo Antônio de Pádua missas também nas comunidades. 

Compartilhe:
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

VÍDEOS

sábado 19 junho
segunda-feira 21 junho
quinta-feira 24 junho
sábado 26 junho
Nenhum evento encontrado!

Facebook