Diante das forças malignas

1 julho, 2021

Vania Reis

Essa semana Padre Joãozinho em sua reflexão diária nos falou de uma passagem muito significativa nestes tempos de tantas forças geradoras de insegurança. Na semana passada conversamos aqui sobre a necessidade de ter fé  “Não tenhas medo e vimos  formas de nos proteger neste cenário atual. Um tempo que se beneficia com a insegurança, provocando ainda mais fragilidade em nossos corações. Padre Joãozinho nos fortalece com seu o raciocínio:

Diante das forças malignas, dê ordens determinantes; o mal, na verdade, é frágil e não suporta a autoridade que vem de Deus (grifo nosso).  Mesmo quando o mal parece muito forte, como naquele dia em que Jesus passava por uma região e viu uma legião de demônios! E Ele deu uma ordem para que eles fossem embora dali. E os demônios entraram numa manada de porcos e se precipitaram monte abaixo, para dentro do mar, afogando-se nas águas.

Jesus falou com autoridade, não se alterou, falou com determinação  e o mal  se mostrou submisso, perdendo seu poder. E  Jesus, “serenamente, continuou o seu caminho, porque Ele sabia que a força maligna faz de conta que é forte, mas, na verdade, é imensamente frágil !” (#minisermao de 30/06/21).

Estamos vivendo muitas lutas …vírus que mesmo estando mais dominado ainda deixa um rastro de consequências e seus medos, desemprego, dificuldades financeiras, sentimento de perda de todo tipo, separações, ansiedades, desânimo, depressão e cansaço!

Já não bastasse o turbilhão da vida pessoal ainda se somam as angústias pela turbulência que o nosso mundo político tem provocado, desconhecendo que a pressão sobre a população já está muito grande e que não é trazendo mais tumulto para o cenário que as coisas vão melhorar. De dentro vem um grito abafado: misericórdia, Senhor!

As guerras pessoais, as guerras contra o mal, de todas as formas e lugares, nos fazem sentir acuados como a população daquela região onde havia a legião de demônios.  Mas não¹ Não podemos nos deixar abater: a marca de Jesus está em cada um de nós, nos revestindo de força. Nunca se esqueça disso! Não tenha medo das guerras que você precisa enfrentar para se libertar das angústias que estão lhe aprisionando, pois quando precisar enfrentar essas guerras,  você  não estará sozinho, Jesus sempre estará com você.

Para buscar sua força, a sua autoridade interna como cristão, proponho um movimento de fé: experimente dizer em voz alta, agora, uma ordem com uma força e determinação crescentes, iniciando como  uma súplica que  com a repetição da frase se transforma em certeza crescente, em um verdadeira ordem: DEUS TEM MAIS PODER E VENCEREMOS ESSAS TREVAS!  (repita e repita). Não temas, só confia.

[email protected]

Compartilhe:
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on email

VÍDEOS

quinta-feira 29 julho
sábado 31 julho
domingo 1 agosto
Nenhum evento encontrado!

Facebook

endereço

R. Soldado Abílio Santos, 47
Centro, Vitória – ES, 29015-620

assine nossa newsletter

Seja o primeiro a receber nossas novidades!

© Copyright Arquidiocese de Vitória. Feito com por